Funcionários do BB reagem a medidas arbitrárias da direção do banco

Funcionários do Banco do Brasil realizaram manifestação nacional contra o plano de reestruturação, tivemos dia de luto, tuitaço, distribuição de carta aberta à população e reuniões nas agências

Nesta sexta-feira, dia 15, Sindicatos dos Bancários em todo o país realizaram atos em protesto contra o plano de reestruturação do Banco do Brasil e a forma como tem sido conduzido. Anunciado sem debate com os representantes dos trabalhadores, o plano adota uma série de medidas a toque de caixa, prejudicando funcionalismo e correntistas.

A direção do Sindicato esteve na agência Campinas em São José protestando e cobrando a imediata revogação das medidas arbitrárias anunciadas pela direção do banco. Durante a atividade a direção do Sindicato dialogou com os trabalhadores da unidade e com clientes e usuários para alertar das graves conseqüências das medidas anunciadas pela empresa.

Além do fechamento de agências, aposentadoria incentivada e transformação de agências em postos de atendimento, o BB também pretende realizar um enxugamento nas agências restantes, cortando dotações e comissões, tornando ainda mais precário o atendimento à população.

O dirigente do Sintrafi e funcionário do BB, André Luis Alves destaca: “Essa foi a primeira atividade de muitas que virão contra essa reestruturação. Estamos nos organizando para envolver os funcionários do banco numa grande campanha de enfrentamento e resistência. A única forma de revertermos essas medidas é com pressão e isso só será possível com a participação dos trabalhadores da empresa. Por isso convocamos os funcionários do banco a reagirem a essa arbitrariedade da direção.”

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar