Sindicato notifica BB sobre descumprimento de acordo.

O Sindicato enviou nesta terça-feira, 17 de novembro, notificação ao Banco do Brasil sobre os temas que a Direção do Sintrafi entende que não estão sendo observados pelos gestores e caracterizam grave descumprimento de acordo coletivo de trabaho.

“O acordo coletivo de trabalho, ou ACT, é um ato jurídico celebrado entre uma entidade sindical laboral e uma ou mais empresas correspondentes, no qual se estabelecem regras na relação trabalhista existente entre ambas as partes” (fonte: Wikipédia). Um acordo coletivo de trabalho serve para regular e disciplinar as relações de trabalho e proteger o trabalhador perante os excessos do empregador. Quando um gestor (de qualquer nível) extrapola uma cláusula do ACT, ele pode prejudicar a saúde física ou psicológica do do seu subordinado.

O documento enviado ao banco foi organizado em quatro principais eixos de denúncias que os bancários enviaram.

  1. O cumprimento fiel do Acordo Coletivo de Trabalho Emergencial (Pandemia Covid-19).
  2. O cumprimento imediato dos protocolos estabelecidos pelas autoridades de saúde e sanitárias, a fim de garantir maior segurança aos funcionários e clientes durante a pandemia.
  3. Impedir a cobrança de metas durante a pandemia ou ao menos exigir dos gestores que esta não ocorra de forma abusiva.
  4. Impedir o acesso e/ou divulgação de qualquer tipo de ranqueamento de desempenho de vendas.

A Direção do Sintrafi Florianópolis entende que a flexibilização das medidas sanitárias preconizadas pelas autoridades de saúde e dos protocolos de proteção e prevenção podem levar ao risco de aumento da contaminação de empregados e clientes em nossa região, ainda mais no momento em que Santa Catarina apresenta um quadro de agravamento da crise sanitária.

Entende, ainda, que o momento crítico pelo qual a economia do país atravessa, com o crescimento das taxas de desemprego e queda brutal da renda das famílias deve ser considerado, não podendo recair sobre os trabalhadores uma expectativa por resultados descolada dessa mesma realidade.

Para Cleberson Eichholz, presidente do Sindicato, “no último dia 13 de novembro, o Sintrafi Florianópolis e Região, completou 85 anos de história de lutas e conquistas. Neste período, jamais se omitiu ou se intimidou diante das dificuldades. E não seria agora, numa crise sanitária e econômica sem precedentes, que deixaria de lutar pelos direitos dos bancários a uma vida digna com garantias mínimas de saúde e segurança.”

A Direção do Sintrafi aguarda a convocação de uma reunião com os responsáveis e que as providências e os ajustes sejam adotados com urgência pela Direção do BB.

Sintrafi Floripa

COMENTÁRIOS

Enviar

ENVIAR COMENTÁRIO

Para enviar um comentário você deve se registrar. Para isso use sua conta do Facebook.

ENTRAR COM FACEBOOK

ou se preferir use seu email pessoal

Esqueceu sua senha?

Enviar